COMO O HOMEM SER PERFEITO…?

Cria Deus o homem sua imagem e semelhança, assim viu que era muito bom. Soprou nas suas narinas o fôlego de vida, tornado o homem alma vivente.

Assim, o homem passou a ter um privilegio entre todos os seres criados no universo, porque o criador colocou a vida dentro dele, a respiração que esta no próprio Eterno. Sendo também criado o Jardim do Éden, e foi colocado no meio uma arvore que continha duas características, conhecimento do “bem” e do “mau”, também uma outra arvore da vida.

O criador resolve criar uma mulher para o homem para não esta só. O Eterno já sabia que o homem iria desobedecer, pois tinha ordenado para não tocar no fruto daquela única arvore, o homem poderia comer de todas as frutas e tudo quanto quisesse do jardim, menos da árvore do conhecimento do “bem” e do “mau”.

Nesse momento nos deparamos em um grande cenário, o homem e a mulher desobedientes com fora do Éden, mais com um detalhe, que nos faz parar e adentrar em uma grande reflexão sobre tais acontecimentos, desde a criação do universo o homem e a mulher tocam na árvore e comem do fruto, falando de forma literal.

Certos somo que o Eterno é o criador de tudo, ser perfeito que esta acima de todas as coisas nesse universo, que criou o bem e o mal. O que pensar nesse momento sobre o homem, um ser com a imagem e semelhança do criador desse universo, perfeito em todas as circunstancias, e o homem como o fôlego do criador dentro dele praticando de forma deliberada tudo quanto acha conveniente de “certo” ou “errado”, na leitura das escrituras ou da analogia da sociedade.

Faz se nesse contexto uma pergunta, que antes de dar uma resposta é preciso fazer uma reflexão holística em noventa graus de tudo que o rodeia. Se o Criador do Universo é perfeito eternamente, seria possível o fôlego que ele soprou no homem, que é a sua imagem e semelhança sofrer modificações ou mesmo ser neutralizadas em suas características pelo comportamento do homem em suas condutas que o distancia das escrituras?. Ou esse fôlego se mantém da mesma forma desde o princípio, momento em que o eterno deu ao homem seu próprio fôlego?

Por fim, chegamos a uma conclusão, o homem durante muito tempo tem perdido sua essência em refletir que já tem o criador dentro dele através do fôlego que foi dado desde o Jardim do Éden, e que teria sido o único ser criado que recebeu as características do Criador do Universo quando foi formado.

O que procuramos?. O que buscamos?. O que queremos ter? Quando o eterno fez o homem já deu todas as característica de um ser perfeito. Teria como o homem conseguir algo a me mais, além do que ele recebem quando foi formado. Teria como alcançar algo melhor nesse Universo alem do que ter recebido o fôlego daquele que criou esse mundo.

O que o homem precisa entender é, que não precisa buscar mais nada além do que ele já tem dentro dele, que é o próprio Criador. Mais, tem que permitir que a perfeição da partícula do fôlego possa de manifestar em sua essência a todos os seus atos, e estará fazendo com que possa reluzir o resplendor da perfeição do Criador desse Universo. Abdijalili Pereira Belchot Filho.

 

Anúncios

obrigado por ter acessado o nosso blog, a coordenação agradeçe, acesse e fique bem informado.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: