ESPAÇO AÉREO EUROPEU DEVE SEGUIR COMPLICADO


Cinzas são vistas em cidade da Islândia
Pela segunda vez neste mês, o vulcão sob o glaciar de Eyjafjallajokull, na Islândia, entrou em erupção e expeliu cinzas a vários quilômetros de altura, na última quarta-feira (14). Os ventos empurraram a nuvem para o sul e para o leste, na direção de países como Grã-Bretanha, Irlanda, Escandinávia e para o coração da Europa. A vasta nuvem de partículas, que ainda não se dissipou, causou o cancelamento de voos nos aeroportos europeus. Segundo a agência de tráfego aéreo Eurocontrol, quase dois terços dos voos foram cancelados, em função do espaço aéreo ter sido mantido fechado na Grã-Bretanha e em grandes partes da Europa central e norte. Por isso, “haverá significativos distúrbios no tráfego aéreo neste sábado”, segundo Brian Flynn, subdiretor de operações da empresa. Estima-se que o prejuízo causado pela nuvem de cinzas seja de US$ 200 milhões por dia para as companhias aéreas. Autoridades polonesas temem que, se a nuvem não se dissipar, diversas autoridades mundiais não consigam comparecer ao funeral do presidente Lech Kaczynski e sua esposa, Maria, na Cracóvia, no domingo (18). Estão sendo esperados Barack Obama (Estados Unidos), Dmitry Medvedev (Rússia) e a chanceler alemã Angela Merkel. Quem saiu ganhando na história foram as operadoras de trens, de ferry boat e de táxi, que receberam pedidos extras e vendiam passagens até quando todos os assentos já estavam ocupados.

Anúncios

obrigado por ter acessado o nosso blog, a coordenação agradeçe, acesse e fique bem informado.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: